DESTAQUES: Palmeiras 2 x 0 Atlético-PR – Campeonato Brasileiro 2018

PRIMEIRO TEMPO

O Atlético-PR foi melhor do que o Palmeiras no início da partida em São Paulo. Com boa marcação, o Furacão atrapalhou a saída de bola do adversário e passou a controlar o jogo. A única boa chance foi de Nikão, aos 23 minutos, batendo à esquerda de Fernando Prass boa troca de passes pela direita. O Verdão só cresceu depois dos 25 e, mesmo assim, sem levar grande perigo. Moisés fez boa partida, porém, ficou sobrecarregado, já que Felipe Melo e Thiago Santos atacam pouco. Borja, aos 30, chegou a assustar dentro da área, mas a bola desviou na marcação.

SEGUNDO TEMPO

Felipão colocou Bruno Henrique no lugar de Thiago Santos no intervalo e deixou o Palmeiras mais ofensivo. Antes mesmo do primeiro minuto, Borja perdeu boa chance ao furar um voleio na área. O Atlético-PR não conseguiu ser perigoso como na etapa inicial e acabou perdendo força no meio de campo. Aos 19, Deyverson entrou no lugar de Borja e funcionou como um meia de criação para o Verdão abrir o placar. Ele deu belo passe nas costas da defesa para Willian apenas bater na saída de Santos, aos 25. O próprio Deyverson poderia ter feito o segundo, aos 38, mas Santos fez grande defesa cara a cara com o centroavante. Nos acréscimos, Willian sofreu pênalti do goleiro Santos. Moisés converteu e fechou o placar.

RESUMÃO

O Palmeiras chegou à briga pelo título do Campeonato Brasileiro. Em grande fase desde a contratação de Felipão, o Verdão venceu o Atlético-PR por 2 a 0, nesta quarta-feira, na arena, e colou de vez na briga pela liderança. Willian e Moisés, de pênalti, marcaram. O resultado freia o crescimento do Furacão e quebra a sequência de nove partidas de invencibilidade. Veja abaixo os melhores momentos: